Colite ulcerosa

Colite ulcerosa: o consumo de álcool piora a situação?

As doenças inflamatórias intestinais são patologias crônicas que costumam levar a episódios sintomáticos ao longo da vida. Dentre os diferentes tipos de condições classificadas como DIIs está a colite ulcerosa.

Apesar de ser um quadro grave e provocar grande desconforto, o problema se torna ainda pior em função do consumo de álcool. Neste post, explicaremos mais sobre essa relação e sobre essa DII.

O que é a colite ulcerosa?

Trata-se de uma doença intestinal inflamatória crônica na qual o cólon (intestino grosso) fica inflamado e sofre ulcerações. Em decorrência disso, o paciente apresenta sintomas graves e fica mais suscetível a desenvolver o câncer de cólon.

Ainda, o intestino grosso é dividido em cinco partes. O reto é o segmento imediatamente acima do canal anal. A colite ulcerosa provoca uma inflamação tanto no reto quanto na parte final do intestino grosso. Em alguns casos, acomete todo o cólon.

Tipos de colite ulcerosa

A colite ulcerosa é uma das DIIs que são classificadas de acordo com sua localização. Quando afeta a área mais próxima do ânus, é chamada de proctite ulcerativa. Se envolver o reto e a extremidade inferior do intestino grosso, passa a ser conhecida como proctosigmoidite.

Ademais, se a colite afetar todo o cólon e provocar sintomas graves, é considerada uma pancolite. Quando também afeta todo o intestino grosso e causa dor intensa, é chamada de colite ulcerativa severa aguda.

Como é causada?

Ainda não se sabe quais são os fatores que causam a colite ulcerosa. Porém, acredita-se que a doença se desenvolva a partir de uma outra condição, como uma infecção. Ademais, há um forte componente genético na origem dessa DII.

No entanto, grande parte dos pacientes não têm esse histórico familiar. Além disso, existem estudos que apontam a colite como uma doença autoimune, ou seja, o próprio sistema imunológico do paciente agride as células da mucosa do cólon e do reto.

Quais são os sintomas?

A sintomatologia da colite ulcerosa é variada e extensa, a depender da forma como se manifesta. Geralmente, os sintomas incluem diarreia sanguinolenta, saída de muco pelo reto, anemia, perda de peso, constipação e dor abdominal. 

Além disso, o paciente também pode apresentar sintomas extra intestinais, como, por exemplo, dor articular, manchas na pele, alterações nos olhos e até nos pulmões. Porém, estes são mais comuns em episódios de surto da doença.

Qual a relação do álcool com essa doença?

A influência do álcool sobre o quadro de colite ulcerosa ainda é objeto de estudo pela comunidade médica. No entanto, acredita-se que esse impacto seja diferente em cada pessoa, principalmente no que se refere à severidade.

Enquanto algumas pessoas podem ter episódios mais agudos da doença, outras têm um risco maior de lesão hepática crônica ou até de insuficiência hepática. Da mesma forma, o consumo abusivo de álcool pode contribuir para o aparecimento de alguns sintomas, como náuseas, vômitos e diarreia com sangue.

Enfim, a colite ulcerosa é uma DII perigosa e que pode causar grandes prejuízos à saúde, principalmente quando há o consumo abusivo de álcool. Então, se você sofre com essa condição, converse com seu médico sobre a necessidade de reduzir a ingestão de bebidas alcoólicas.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião do aparelho digestivo em Ilha Solteira e Barretos!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp