cirurgia bariátrica

Quando é indicada a cirurgia bariátrica?

A cirurgia bariátrica é considerada uma das formas mais eficientes de tratar a obesidade, pois, além de promover a perda de peso, oferece o controle de diversas comorbidades. Porém, o procedimento não é indicado em todos os casos.

Você sabe quem pode realizar esta cirurgia? Caso não, recomendamos a leitura deste post. A seguir, explicaremos os principais requisitos exigidos para que uma pessoa passe por este tratamento. Ficou interessado? Continue a leitura.

Quem pode fazer a cirurgia bariátrica?

A cirurgia bariátrica é um tipo de procedimento no qual o sistema digestivo do paciente é alterado para que haja uma redução da quantidade de alimentos tolerados pelo estômago e/ou para modificar o processo de digestão, diminuindo a quantidade de calorias absorvidas.

Ainda, por ser uma cirurgia complexa e muito invasiva, só costuma ser indicada para o tratamento da obesidade quando o paciente já buscou outras alternativas para emagrecer, mas não obteve sucesso.

Além disso, é necessário passar por uma bateria de exames e avaliações rigorosas com uma equipe multidisciplinar de médicos, composta por cirurgião, nutricionista, psicólogo, cardiologista e outros especialistas.

Assim, o primeiro critério para ser indicado ao tratamento cirúrgico é ter o diagnóstico de obesidade grau III. Uma das formas de obtê-lo é considerando o Índice de Massa Corporal (IMC).

Segundo os valores de referência, para ser enquadrado na categoria de obesidade grau III, o paciente precisa ter o IMC maior que 40 kg/m2. Caso apresente alguma comorbidade, exige-se o diagnóstico de obesidade grau II, com IMC entre 35 e 40 kg/m2.

Outro critério importante é a idade. Para os pacientes entre 18 e 65 anos, não há restrições. Porém, idosos com mais de 65 anos precisam passar por uma avaliação específica. Por outro lado, menores de 18 anos só devem realizar a cirurgia bariátrica se  houver consentimento dos responsáveis legais.

Assim, caso o indivíduo atenda a esses critérios e seja considerado apto por todos os profissionais da equipe multidisciplinar, ele receberá a indicação para o tratamento e poderá iniciar as etapas do pré-operatório.

Quando a cirurgia não é indicada?

Assim como qualquer procedimento cirúrgico, existem condições que contraindicam a realização desta intervenção. Além do não atendimento aos requisitos já mencionados, algumas situações específicas também impossibilitam sua realização.

A primeira delas é ser menor de 16 anos e não houver comprovação de que há um risco de vida provocado pela obesidade. Outro ponto é o paciente ter diagnóstico de doenças cardiopulmonares graves, genéticas, imunológicas ou inflamatórias do trato digestivo, síndrome de Cushing e hipertensão portal.

Ademais, se o psicólogo identificar um quadro de transtorno psiquiátrico não controlado ou limitação intelectual significativa em pacientes sem o devido suporte familiar, também irá contraindicar o procedimento. 

Por fim, as gestantes não são indicadas, pois o procedimento pode levar à desnutrição do feto. Da mesma forma, se houver a pretensão de engravidar, a paciente será orientada de que deverá aguardar, pelo menos, por 18 meses após a cirurgia.

Então, com a leitura deste post, você conheceu um pouco mais sobre as indicações e contraindicações para a cirurgia bariátrica. Portanto, caso atenda aos requisitos legais para o procedimento, converse com seu médico sobre a possibilidade de seguir esse tratamento.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião do aparelho digestivo em Ilha Solteira e Barretos!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp