Azia

6 causas possíveis para sua azia

A azia é um sintoma caracterizado pela sensação de queimação na parte média ou superior do peito. Ela pode envolver o pescoço ou a garganta e tende a intensificar na posição deitada.

Tal sintoma é resultado do retorno do suco gástrico para o esôfago. O alto teor de acidez pode, assim, lesionar as células esofagianas, a ponto de gerar desconforto ou dor.

Essa condição tão incômoda pode ser provocada por múltiplos fatores, como por exemplo, a má digestão de determinados alimentos, gestação, tabagismo, excesso de peso, refluxo gastroesofágico, entre outras causas.

Conheça, em seguida, detalhes de seis causas prováveis da azia.

Possíveis causas da azia

1- Excesso de peso

O sobrepeso e a obesidade são possíveis causas de azia, especialmente quando a pessoa já tem histórico de problemas digestivos, como gastrite ou má digestão. Isso ocorre porque o acúmulo de gordura abdominal pressiona o estômago e aumenta as chances de o conteúdo gástrico retornar ao esôfago. Tal condição é o que provoca a indesejável queimação.

2- Tabagismo

O hábito de fumar também pode causar azia. As substâncias químicas inaladas pelo fumante podem desencadear a má digestão e promover o relaxamento do esfíncter esofágico. Além disso, podem alterar o funcionamento desse músculo localizado entre o esôfago e o estômago. Dessa forma, essa musculatura fica enfraquecida e o suco gástrico retorna, causando a azia.

3- Alimentação

A azia está diretamente relacionada à alimentação. O exagero na ingestão de alimentos como café, chá preto, chá verde, chá mate, bebidas à base de cola, cebola crua, chocolate, pimenta, frutas cítricas e tomate também podem ocasionar a sensação de queimação. Não significa que esses alimentos devam ser excluídos do cardápio, mas é ideal o consumo moderado.

Deve-se, também, evitar comer grandes porções, tomar líquido durante as refeições e deitar-se logo depois de comer. Ao se comer e/ou beber em demasia, o estômago fica muito cheio, se expande, o que dificulta o trabalho do esfíncter esofágico.

4- Gestação

A azia é um sintoma típico da gravidez, ocorrendo, principalmente, no segundo e no terceiro trimestre da gestação. O sintoma ocorre devido à falta de espaço para os órgãos abdominais juntamente com o aumento da progesterona, o que dificulta o fechamento do esfíncter esofágico.

5- Efeito colateral de medicamentos

O uso contínuo de certos medicamentos anti-inflamatórios, quimioterápicos, antidepressivos e anti-hipertensivos pode irritar o esôfago, pois eles aumentam os riscos de relaxamento do esfíncter  esofágico, o que amplia potencialmente as chances de refluxo e azia.

6- Alcoolismo

O consumo abusivo de bebidas alcoólicas pode causar azia também. Entre outros efeitos negativos, o álcool em excesso relaxa a musculatura esofágica, promovendo o retorno do suco gástrico para o esôfago. Além disso, aumenta a produção desse ácido, elevando os riscos de gastrite, problema que tem como um dos sintomas principais a azia.

Quer saber um pouco mais sobre azia? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião do aparelho digestivo em Ilha Solteira e Barretos!

Comentários
Dr. Rodrigo Gui Queiroz

Posted by Dr. Rodrigo Gui Queiroz