aftas

Aftas: como tratá-las?

As aftas surgem como pequenas úlceras dolorosas na parte interna da boca. Elas podem afetar a garganta, lábios, bochechas e até a língua. Geralmente, elas apresentam uma coloração branca, amarelada ou cinza, com borda avermelhada.

Um fato curioso, é que as mulheres tendem a ter aftas mais frequentemente do que os homens. Além disso, dentre as lesões que ocorrem na boca, elas estão entre as mais comuns.

A seguir, vamos conhecer alguns dos tratamentos mais usados para lidar com as aftas. Acompanhe e fique por dentro desse tema!

Tratamentos para aftas

Antes de tudo, é sempre bom lembrar da necessidade de procurar um profissional treinado, uma vez que existe uma série de outras condições que podem causar lesões na boca e são facilmente confundidas com as aftas.

Outro aspecto importante sobre essa doença bucal, é que ela costuma se curar sozinha dispensando, assim, tratamentos.

Por outro lado, há algumas práticas que podem ajudar a lidar com os incômodos e acelerar o processo de cura. Logo abaixo, estão algumas das técnicas mais usadas para tratar a condição. Confira!

Peróxido de hidrogênio

O peróxido de hidrogênio ajuda no tratamento das aftas, pois auxilia na cicatrização da lesão, limpando a ferida e diminuindo a quantidade de bactérias. A aplicação é feita com uma solução a 3% com partes iguais de água. Um algodão ou um cotonete podem ser usados na aplicação.

Água salgada

Um dos tratamentos mais conhecidos para aftas é água com sal, mesmo sendo um pouco doloroso, bochechar com a solução ajuda a secar as lesões. Para usar o método, basta que a pessoa dissolva 1 colher de chá de sal em ½ xícara de água morna.

Sálvia

Enxaguantes bucais com sálvia na composição também podem ajudar a tratar as aftas, além de vários outros problemas bucais, pois possuem propriedades anti-inflamatórias, antibacterianas, anti-sépticas e adstringentes. A maioria das farmácias vende esse produto.

Pastilhas de zinco

Quando o sistema imunológico não está bem, as aftas podem surgir com maior facilidade.

As pastilhas de zinco podem ajudar o organismo a ter mais força para combater as bactérias causadoras do problema, uma vez que esse mineral contribui para aumentar a imunidade. Esse produto pode ser encontrado em qualquer farmácia, mas é preciso ler atentamente as informações da fabricante, já que podem trazer outros ingredientes na composição.

Suplementos vitamínicos

Alguns estudos demonstram que pessoas com deficiência de vitamina B-12 nas dietas alimentares têm mais chances de terem aftas. Sendo assim, um complexo vitamínico pode ajudar, porém, vale ressaltar que esses suplementos podem causar efeitos colaterais. Por isso, o ideal é consultar o médico antes de usar.

Quando procurar ajuda?

Como foi apontado no início, as aftas, normalmente, se curam sozinhas e não representam motivos de grande preocupação. Porém, alguns sinais podem indicar a necessidade de procurar um médico para uma avaliação mais atenta:

  • Presença de várias lesões.
  • Ferida que não cicatrizou após duas semanas.
  • Feridas maiores que as normais para as aftas.
  • Febre.
  • Dor que afeta os lábios.
  • Feridas que tornam difícil comer e beber.

Ao consultar o profissional especializado será mais fácil identificar as causas do problemas e quais as melhores soluções para ele.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião do aparelho digestivo em Ilha Solteira e Barretos!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp